Quero

Quero

Quero alguém que saiba parar e ir devagar apreciando a vida e o tempo.

Apreciando a calma dos perfumes  da natureza e a lentidão dos pensamentos de paz.

Que não tenha agonia, ansiedade e correria.

Que não queira mais do dia, das pessoas e dos eventos.

Que não queira sempre mais de mim.

E que diferente de mim, me ensine o que não sabe também e que com o tempo desaprendi.

A arte de parar!

 

Telma Lenzi | Março 2010

OUÇA ESSA CRÔNICA GRAVADA

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*